Artigos e Psicografias: Psicografias: 2014 Março - Casa de Luz

Artigos e Psicografias > Psicografias

2014 Março - Casa de Luz

Casa de luz!Casa de fé!Casa de paz! Casa de amor!

Nossa casa querida que nos acolhe, nos ampara, nos orienta, nos guarda e nos conduz!

É á essa casa que todos queremos muito bem, muito amor.

Precisamos de vocês trabalhadores encarnados, assim, hoje, agora, como estão, como são, como pensam e como agem.

Somos todos crianças espirituais frente à humanidade espiritual do universo.

Queremos manter, refazer e reatar nossos laços de amor, caridade, luz e paz, que nos trás a todos aqui nesta casa hoje para acolhê-los e não julgá-los.

Para conduzi-los no caminho de fé e luz que temos traçado todos esses de trabalho e caridade.

A caridade maior será perdoarmos a nós mesmos por não sermos os seres evoluídos que já almejamos.

Mas temos a visão, a emoção que queremos vibrar.

Sabemos como caminhar e não desanimamos.

Que essas crises, essas dúvidas, essas dores sejam encaradas de maneira serena.

E enxergando a luz, que a bondade divina permita que possamos corrigir rotas, posturas.

E todos os esforços que possamos fazer para dobrarmos nosso orgulho, nossa individualidade sempre em benefício da nossa casa, nosso Grupo da Paz.

Sempre percebendo nossa pequenez, nosso trabalho miúdo e valido, nossa passagem discreta e bendita como trabalhadores na seara do Pai maior.

Saibamos dar de nós, sair de nosso individualismo, de nossas certezas e assim, de coração aberto, abraçar todos nossos irmãos, todos nossos trabalhadores e todos nossos auxiliados.

Somos caminhantes deste pequeno planeta e por isso mesmo temos em nós uma luz imensa.

Que brilhe a nossa luz!

A luz do Grupo da Paz!

Acima de todos nós, de nossas casas, nossos coros, nossos lares neste planeta, está a luz divina!

Que possamos refleti-la em nossos atos, em nossos corações e em nossas doações!

Precisamos de vocês assim como são.

Não exigimos perfeição porque somos todos iguais perante a Deus, todos imperfeitos e todos homens de boa vontade unidos pelo bem maior.

Não julguem e não se julguem.

Auxiliem-se uns aos outros, perdoando-se e perdoando sempre.

Trabalhem doando o que já temos de melhor e evoluiremos juntos para todo o sempre.

Permaneçam em paz e brilhem a luz do Grupo da Paz, que só existe porque nos amamos uns aos outros.

Com todo respeito e todo carinho seu amigo e irmão de todo sempre

Irmão Felipe

Grupo da Paz

São Paulo, 29 de março de 2014.